Blefaroplastia: mitos e verdades!

Ei, pessoal!

Um dos procedimentos mais desejados no mundo é a blefaroplastia, ou cirurgia palpebral. Muitos pacientes vêm à Clínica Fabrício Regiani com diversas dúvidas sobre essa cirurgia e tomamos a decisão de clarear o assunto e desmitificar algumas questões que podem atrapalhar o seu entendimento e tomada de decisão. Veja o que o Dr. Fabrício tem a nos dizer!

A blefaroplastia é uma cirurgia muito solicitada em nossa clínica e, assim como a rinoplastia, muitas pessoas têm medo desse procedimento por alterar elementos das feições individuais. Independente da questão estética, essa cirurgia visa também garantir maior qualidade de vida às pessoas, principalmente por tratar de excessos de pele e queda das pálpebras. Para ajudar você, vamos adiantar algumas das principais dúvidas sobre esse procedimento.

A blefaroplastia é vista apenas como procedimento estético?

Mito! Assim como já falamos acima, a blefaroplastia nem sempre é vista como um procedimento unicamente estético, pois o excesso de pele em pálpebras superiores pode atrapalhar o campo de visão e dificultar o abrir dos olhos natural de pacientes. Já quando a queda das pálpebras inferiores é relatado, além do indivíduo ter dificuldade em fechar adequadamente os olhos, a porção branca dos olhos fica desprotegida. Para fins estéticos, a blefaroplastia realmente confere uma aparência mais descansada ao tratar da protusão de depósitos de gordura em pálpebras superiores assim como as bolsas de gordura das pálpebras inferiores, evitando, portanto, a flacidez.

A blefaroplastia é recomendada apenas para idosos?

Acredito ser o maior mito de todos quanto a esse procedimento! Atualmente, pessoas mais jovens e de meia-idade também têm optado muito pela blefaroplastia, pois alguns indivíduos jovens apresentam naturalmente uma queda das pálpebras ou têm bolsas de gordura nas pálpebras inferiores mesmo que não estejam em idade avançada. Vale lembrar que, realmente, com o avanço da idade, os tecidos da face vão ficando cada vez mais flácidos e as tais bolsas de gordura acabam se tornando ainda mais evidentes e, por essa razão, muitos pacientes idosos optam por essa cirurgia.

A recuperação da blefaroplastia é muito dolorosa?

Mito! A blefaroplastia é considerada um dos procedimentos menos dolorosos e o máximo relatado pelos pacientes são tensões da área e aquela sensação de cisco nos olhos.

A blefaroplastia pode ser realizada por qualquer médico?

Para se submeter a uma blefaroplastia, o ideal é que você procure um cirurgião capacitado e experiente que seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e que tire todas as suas dúvidas sem carregar os estigmas que podem atrapalhar o seu processo de decisão e, inclusive, de percepção dos resultados da cirurgia, ok?

A blefaroplastia pode ser realizada na própria clínica?

Mito! É muito importante salientar que a blefaroplastia deve ser realizada em ambiente hospitalar com a presença de um anestesista, nunca na própria clínica! Informe-se sempre quanto a cirurgias que podem ser realizadas no ambiente clínico e não deixe de consultar também as indicações necessárias para a realização de qualquer procedimento cirúrgico. Por mais que a realização da cirurgia seja feita em ambiente hospitalar com a atuação do profissional capacitado, a recuperação do paciente também continua em sua própria casa! Após a realização da blefaroplastia, é importante o uso de compressas geladas nas primeiras 48-72h, quando o paciente deve fazer repouso relativo. Atividades físicas devem ser evitadas por pelo menos 15 dias, assim como a exposição solar por 2 meses ou enquanto as equimoses estiverem presentes.

Esperamos que algumas dúvidas sejam sanadas e fique à vontade para entrar em contato com a Clínica Fabrício Regiani pela seção de comentários abaixo ou preenchendo o formulário de contato aqui em nosso site se você tiver alguma outra questão sobre a cirurgia palpebral, combinado?

Sua beleza é preciosa! Conte conosco para lapidá-la ainda mais!

Compartilhe

Saiba mais sobre